Alimentação‎ > ‎Artigos e Estudos‎ > ‎

9 produtos que contém ingredientes vindos de animais (e você nem sabia)

Hidden Animal Fat Lies In Plastic Bags Photo
Image: Composite of pictures by Velkr0, Meneer Zjeroen, Marcy Reiford and Our update, all via Creative Commons.

Mas até no açúcar???

Veganos, abram os olhos! Para não consumir nenhum produto de origem animal, é preciso se preocupar com muito mais do que as letrinhas miúdas das embalagens de comida.

Artigos simples, como sacolinhas de plástico e pneus de bicicleta são feitos com algum produto de origem animal. Segundo a OFAC (Conselho de Pecuária de Ontário, no Canadá), dos animais presentes na alimentação humana, 45% é utilizado para fabricar artigos não-comestíveis.

Confira essa lista e aumente sua paranóia.

1. Sacolas Plásticas

Plastic Bag In A Tree Photo

Kate Ter Haar via Creative Commons.

Muitos tipos de plástico, inclusive as sacolinhas de supermercado, contém um ingrediente que diminui o efeito estático que o material pode causar: gordura animal. Mais um motivo para usar uma ecobag.

2. Pneus de carro e de bicicleta

Bike Tire Close-up Photo

Photo: SamuraiGhost via Creative Commons.

Para se certificar que seu meio de transporte é livre de produtos animais, cheque se o fabricante utiliza a versão vegetal do ácido esteárico, usado para conservar a forma do pneu sob atrito intenso. Segundo lista do fórum de Malhação Vegana (em inglês), a Michelin é animal-free.

3. Cola de madeira usada em instrumentos musicais

Vintage Violin Photo

Photo: Luz A. Villa via Creative Commons.

Aparentemente, a cola feita com ossos e tecido conjuntivo cozidos é o melhor adesivo para fixar violinos, pianos e outros instrumentos musicais feitos de madeira. Além disso, ela também é usada pelos carpinteiros para colar mesas, portas, armários… Existe uma cola sintética, mas, para saber qual foi utilizada, só perguntando ao fabricante.

 

4. Biocombustível

Beef Biodiesel Plant Photo

Photo credit: Western Biodiesel.

Tá pensando que só existe álcool de cana de açúcar e biodiesel de óleo de mamona? Ele também pode ser feito com gordura de carne de boi e de frango. Bizarro.

5. Fogos de artifício

Fireworks Photo

Photo credit: Mr Magoo ICU.

Além de fazerem mal para o meio ambiente (a fumaça polui o ar e carrega metais tóxicos, que contaminam o solo e a água), eles também têm ácido esteárico em sua fórmula – e não dá pra saber se eles são de origem animal ou vegetal…

6. Amaciante de roupas

Downy Fabric Softener photo

Photo credit: Mr Magoo ICU.

Ele contém dihydrogenated tallow dimethyl ammonium chloride em sua fórmula. Esse derivado da amônia vem das ovelhas, cavalos e vacas. Melhor ficar com as roupas menos macias, caro vegano.

7. Shampoo e condicionador

Shampoo Bathroom Photo

Photo: Marcelo Guerrero, via Stock Xchng.

Sim, eles contém mais de 20 ingredientes vindos de animais! “Pantenol”, “aminoácidos” e “vitamina B”, por exemplo, podem ter origem animal ou vegetal. A melhor forma de saber com certeza é procurando marcas veganas. O site Guia Vegano recomenda a marca Surya, que tem certificação e tudo.

8. Pasta de dentes

Toothpaste Photo

Photo: Festland via Stock Xchng (Royalty free).

A glicerina, também presente no shampoo e condicionador, pode ter origem animal e vegetal. Tente marcas veganas, como a Contente, Condor, Welleda e Natura.

9. Açúcar branco e mascavo

Sugar In A Spoon Photo

Photo: JadeGordon via Stock Xchng (Royalty free).

Por essa você não esperava! Algumas marcas utilizam cinzas purificadas feitas com ossos no refinamento do açúcar. Há como fazer o mesmo processo com carbono granulado ou um sistema de troca de íons. Opte por açúcar cristal orgânico, se ficar na dúvida.

(com informações do Tree Hugger)

Fonte:  Super



fonte: http://www.vegetarianismo.com.br/sitio/index.php?option=com_content&task=view&id=2610&Itemid=111

Comments