Propriedades da Maça

Uma maçã por dia ajuda a prevenir doenças

Pesquisa feita pelo médico Thomas Seha, professor de biologia da
Universidade de Massachusetts, em Lowell, mostra que uma maçã por dia ou um
copo de suco de maçã pode melhorar a memória e aumentar a produção de
antioxidantes que mantêm a saúde na terceira idade. Outra pesquisa,
publicada na revista "Thorax", mostra que os homens que comem cinco maçãs
por semana têm maior capacidade pulmonar que os que não comem a fruta.

Um estudo holandês mostra ainda que a maçã é a única fruta que pode baixar o
risco de doenças pulmonares entre fumantes. Fora isso, a maçã ajuda a
reduzir o LDL, o mau colesterol. Pesquisadores explicam que os poderes da
fruta se devem a super antioxidantes chamados quercetina e catequina.

Colesterol

A maçã contém um tipo de carboidrato complexo, chamado pectina, que forma as
fibras das frutas cítricas e que uma vez dissolvido em água, produz uma
massa gelatinosa, viscosa que absorve os ácidos biliares no tubo digestivo,
diminuindo-os junto com as fezes. De modo que, não havendo a reciclagem dos
ácidos biliares no tubo digestivo, o organismo mobiliza o colesterol para
formar novos ácidos biliares, indispensáveis no metabolismo das gorduras e
do colesterol, consequentemente diminui-se a taxa de colesterol sérico do
organismo.

A maçã promove a tonificação do Qi do aquecedor médio e do baço/pâncreas
que, em última análise, é responsável pelo funcionamento do tubo digestivo.
É necessária a boa atividade do mesmo para que a maçã possa exercer as suas
funções.

A pectina torna a absorção de glicose menos eficiente na luz intestinal,
fazendo com que o açúcar penetre no sangue mais lentamente, evitando desta
maneira que não ocorra aumento em pico da insulina. Este processo evita a
transformação do açúcar em gordura.

Outra ação da pectina é a de evitar a formação de cálculos biliares, pois os
ácidos biliares que normalmente retomam para o fígado estão saturados de
colesterol, sendo por isso, responsáveis pela formação de cálculos biliares.

Emagrecimento

O efeito emagrecedor da maçã estabelece-se em dois níveis:
- o primeiro pela ação já vista pela pectina, que dificulta a absorção das
gorduras, da glicose e elimina o colesterol;
- o segundo é conseqüência do primeiro efeito, o organismo é obrigado a
gastar calorias de reserva, acumuladas sob a forma de gordura.
O alto teor de potássio contido na polpa da maçã faz eliminar o sódio
excedente e, consequentemente o excesso de água retida no corpo.

Coração

A ação benéfica da maçã sobre o coração atua de duas maneiras:
- Pela presença de alto teor de potássio, indispensável na geração de
energia para a atividade celular, nas contrações musculares e na transmissão
de estímulos nervosos. O potássio é um elemento insubstituível na fisiologia
do coração;
- Pela presença de pectina, que evita a deposição de gorduras na parede
arterial, evitando a arteriosclerose.
Com isso, melhora a circulação sangüínea, reduzindo o trabalho cardíaco,
prolongando a vida útil do coração.

Calor do Verão

A maçã possui características refrescante, apaziguando os efeitos deletérios
do calor nos órgãos, provocados pelo calor de verão, suprimindo dores
torácicas e a agitação interna. Pelo mesmo princípio, a maçã neutraliza os
efeitos da umidade-calor das bebidas alcoólicas.

Devido ao seu poder de produzir líquidos orgânicos, que é também um
mecanismo de combater o calor e os efeitos produzidos pelo mesmo, e
associada ao poder umidificante nos pulmões, a maçã atua mantendo o
equilíbrio hídrico do nosso corpo.

http://www.portaldascuriosidades.com/forum/index.php?topic=34337.0
Comments