Propriedades Jambolão



Eita frutinha boa! Poucas pessoas conhecem hoje em dia, mas a algumas déeecadas atrás (rs), quando criança, sempre procurava um pé para comer algumas destas delícias.

Lembrei disso hoje por um motivo. Como um "natureba" frutivoro, na hora do almoço gosto de sair para dar uma caminhada nos arredores perto da empresa onde trabalho. Por incrível que pareça, nesta cidade de quase um milhão de habitantes, ainda existem algumas praças e ruas com raras, mas muito bem vindas, arvores frutivoras.

Como de praxe fui tomar um suco (ando mais ou menos uma hora, trinta para ir e trinta para voltar) e no caminho aproveitei para colher duas graviolas, que já faz alguns dias que estava de olho...rs. Passando um pouco esse pé, me deparei com uma arvore carregada de jambolão!!! Adivinha só quem ficou como criança, no meio de duas ruas movimentadas, passando carro toda hora, mas eu nem ai, parei e mandei ver no jambolão, feito criança mesmo...rs Só não subi no pé para não manchar a camisa branca, senão minha esposa é que vai me tratar feito criança, com palmadas no bumbum...rsrsrs

Bom, vamos para a parte que interessa, as propriedades:

Originário da Índia, a árvore atinge 15 metros de altura e desenvolve-se em clima equatorial, subtropical e tropical.

  • Nome Científico: Syzygium jambolanum
  • Sinonímia: Eugenia jambolana, Syzygium cumini, Calyptranthes oneillii, Eugenia cumini, Myrtus cumini
  • Nome Popular: Jambolão, baga-de-freira, guapê, jamelão, jalão, azeitona, jambuí, azeitona-da-terra
  • Família: Myrtaceae
  • Divisão: Angiospermae
  • Origem: Índia
  • Ciclo de Vida: Perene

Tem sabor doce, um pouco adstringente se não estiverem bem maduros, mas ainda sim muito saborosos. Tem apenas um único inconveniente, manchar a pele e as roupas caso resolva "apertar" muito durante a comilança, e deixar cair na roupa. Mas nada sério, são como amoras, macha mais sai depois... Os frutos podem ser consumidos in natura  ou processados em compotas, licores, vinhos, tortas, doces e tudo que imaginar...

  • Indicações: Diabetes, afecções gástricas e pancreáticas, diarréia, disenteria, hemorragias, espasmos, infecções, estimulante gastrointestinal, flatulência, afecções respiratórias.
  • Finalidade terapêutica : combate perturbações de estômago, gazes intestinais e diabetes. Existem muitos medicamentos cujas fórmulas farmacêuticas têm produtos retirados em laboratório das frutas do jambolão.
  • Propriedades: Adstrigente, calmante, diurético, hipoglicemiante, antibiótica.
  • Partes usadas:  Frutos, sementes, casca do caule e folhas.

Além de tudo isso, é um poderoso antioxidante, e também possui ações antiinflamatórias e carcinogênicas (caule) e antibacteriana, antiviral, antifúngica e antialérgica (folhas).

Obs.: Um cuidado importante é no consumo, que se em excesso pode provocar diarréia, e isso é sério, não use como laxativo consumindo demais, prejudica os intestinos.

Exemplo da árvore



Namastê,
Terry

Comments