Orgonite

Como aqui no Brasil poucos conhecem, vale muito a pena divulgar, e fazer é claro! Além de muito simples, muito eficaz!

Para quem quiser comprar um pronto depois de ler, no Mercado Livre pode encontrar para venda, é dificil e só encontrei recentemente por acaso. No eBay tem bem mais opções, mas o problema é o pagamento em dolar por cartão de credito. Aconselho a fazer o seu ou comprar no Brasil a principio, assim incentivamos quem faz aqui a vender e produzir mais!

Namastê,
Terry

___

O que é a Orgonite?

- A Orgonite gera Orgone Positivo ao mesmo tempo que transforma or Orgone
Negativo em Positivo. O termo "orgonite" foi inventado por Karl Welz em
meados dos anos 90. 


O que é o Orgone?

- A energia Orgone, ou simplesmente "o Orgone" é um termo inventado pelo Dr.
Wilhelm Reich (1897-1957) para designar um tipo de energia que é
provavelmente a mesma que na China se designa por "chi" e na India, "prana".

Basicamente o Orgone Positivo tem uma natureza expansiva e promove um
espirito liberto e descomplexado (relacionado com o Amor Universal) enquanto
que o Orgone Negativo tem uma natureza de contracção e promove o bloqueio de
energias (relacionado com o Medo). Também se pode dizer que o Positivo é
Vida, e o Negativo - Morte.

De que é feita esta orgonite, já agora?

- Resina de fibra de vidro, aparas de metal e um cristal de quartzo. 


O que é que eu devo fazer com elas?

- Eu respondo: escuta a tua intuição porque não existe melhor conselheira.
Mas se queres algumas dicas põe as peças mais pequenas em cima ou junto dos
electródomesticos que tenhas em casa - televisões, microondas e computadores
são bons exemplos de equipamento que gera frequências electromagnéticas
nocivas ao ambiente e à saúde já para não falar no Orgone Negativo gerado
pelo microondas. Fixar uma peça com fita cola ao cano de água que abastece a
sua casa vai re-energizar em parte a água que passar nesse cano - os ângulos
rectos da canalização "moderna" são em parte culpados da água que nos chega
já estar despida das suas qualidades energéticas.

As peças maiores, em cone, são mais poderosas e trazem muito Orgone Positivo
a uma sala de estar, um escritório ou uma oficina. Se puser uma por baixo da
cama é quase garantido que terá um sono repousante.

Orgonite

As instruções seguintes não representam a única maneira de fazer orgonite,
muito pelo contrário: quase todos os sites sobre orgonite contêm instruções
ou links para sites com instruções. No entanto é de nota que todos os
diferents tutoriais com instrucções para fazer orgonite são muito parecidos. 


Para fazer orgonite -

O local:

*qualquer sítio ao ar livre que tenha um chão plano e nível ou uma sala com
boa circulação de ar (a resina, especialmente poliéster, tem um cheiro muito
activo que também não é muito saudável).

O equipamento:

*luvas (de látex)

*máscara com filtro

*sacos do lixo

*pau ou colher velha para mistura

*recipiente transparente com medidas

(e para a limpeza da resina)

*papel higiénico ou de cozinha

*farinha

*acesso a água corrente (lavatório, etc)

Todos os elementos desta lista pode ser obtidos em supermercados, drogarias,
lojas para serralharia e lojas onde se venda resina.

Ingredientes da orgonite:

*resina de poliéster ou epoxy

Vende-se em lojas especializadas. A resina é usada normalmente na reparação
de barcos, mas também de carros e motas/lambretas, assim como para fazer
arte.

É o elemento mais caro da equação - um TB básico não custa normalmente menos
de 60 eurocêntimos de resina de poliéster.

A poliéster quando curada terá endurecido para uma côr que varia entre o
verde e o castanho (depende da quantidade de catalizador usado e/ou o tipo
de metal - penso eu) e a epoxy é transparente - e mais cara (cerca 1.5
vezes).

Se comprar em quantidade fica quase certamente mais barato.

*aparas de metal

São normalmente encontradas em serralharias, ferro-velhos ou de preferência
em "armazêns" que façam negócio com a reciclagem de metal. O que é preciso
são aparas - qualquer metal servirá embora o alumínio, pelo preço, seja a
melhor escolha para fazer orgonite simples. Poderá querer usar aparas de
cobre em espiral para as peças de uso pessoal já que aparentemente tem uma
melhor fluidez da energia orgone.

Aqui estão algumas aparas de cobre

E aqui de alumínio

(embora possa dar a ideia destas aparas serem também em espiral, só algumas
o são - esta "colheita" particular tinha várias formas misturadas)

Claro que se a única coisa que consegue arranjar são pedaços de metal "em
bruto", não desanime - se sentir que os pode usar, então faça-o, mas tente
que caiba tanto metal no molde quanto possível, mesmo que algum fique de
fora (embora não passe sem a resina, o metal é o verdadeiro "motor" do
orgone)

*cristais de quartzo

São normalmente encontrados em lojas de artigos "new age" e em alguns
mercados onde se venda o mesmo tipo de artigos (espanta-espíritos,
pirâmides, amuletos, livros esotéricos, etc). Também se pode encontrar
quartzo em lojas especializadas em pedras preciosas e semi-preciosas (lojas
do domínio da geologia) mas estas são mais raras e difíceis de encontrar. 

Para o TB, o tamanho do quartzo não é importante (nem a forma) - quanto mais
pequenos, melhor: serão provavelmente mais baratos. Para o HHG tente
encontrar cristais de 2-4 centímetros de comprimento e 1 de largura, com uma
das pontas (extremidades) bem definida.

Aqui estão alguns cristais de quartzo para uso em TBs:

Repara como eles estão longe da "perfeição"... mas servem perfeitamente! À
direita da moeda está um pequeno quartzo perfurado que fazia parte de um
colar de cristais quartzo semelhantes, alguns dos quais foram já usados para
fazer TBs. Os que não foram usados estou a guardá-los para uma emergência
;-)

Nota: O TB e o HHG são feitos "de pernas para o ar". Ou seja, a parte de
baixo do molde vai acabar por ser o topo da peça e vice-versa. Isso não é
importante com o TB, cuja energia é espalha em todas as direcções com a
mesma intensidade, mas mais no caso do HHG, cuja libertação de energia é
concentrada principalmente na ponta. 


O Tower Buster ou TB (Caça-Antenas)

Para isto vamos precisar de um molde de silicone para fazer queques
(muffins). Estes moldes também se podem encontrar feitos de teflon
anti-aderente, mas pelo sim pelo não, besunte um pouco de azeite por toda a
superfície onde vai estar resina para que não se cole. Como último recurso
pode usar copos de papel (de plático não, que se derretem no processo de
cura da resina) e não se preocupe se não conseguir remover depois todo o
papel dos seus TBs - energeticamente não faz diferença nenhuma.

Quando escolher um molde para queques (ou outras doçarias) tenha em conta
que o orgone gosta especialmente de formas redondas ou circulares mas não se
preocupe - o molde típico para fazer queques serve perfeitamente e é o mais
utilizado.

Rasgue o saco do lixo e abra-o até este passar a ser uma só superfície e
ponha-o no chão, a fazer de toalha. Isto vai ser a sua área de trabalho por
isso ponha tudo o que vai precisar em cima do saco. Use dois sacos lado a
lado se for necessário (estes precauções são para evitar acidentes com a
resina).

Tenha preparadas as aparas de metal, escolhidos os quartzos, e a resina +
catalizador à mão, preparados para a mistura, assim como um recipience
transparente onde misturar a resina e um objecto longo para a mexer (pode
ser um pau our ramo de árvore, uma colher velha de madeira, etc) para
conveniência da comunicação vou-lhe chamar "colher".

Ponha um quartzo em cada molde

Ponha aparos de metal em cada molde até mais ou menos metade

Ponha as luvas e a máscara.

Misture a resina no recipiente de acordo com as instruções da embalagem ou
recebidas na loja onde comprou a resina. O catalizador é normalmente 2-3 por
cento no caso da poliéster, e um terço no caso da epoxy.

Para um TB de alumínio vão ser precisos entre 60-90 ml de resina já
catalizada, dependendo de quão compacto é o metal que está a usar.

Misture a resina com o catalizador durante 1-2 minutos. Uma vez que lhe
apanhe o jeito vai saber mais intuitivamente quando é que já chega de mexer
a colher.

Agora tem à volta de 30 minutos antes que comece a endurecer a resina (para
informações mais precisas consulte a embalagem ou a loja)

Deite a resina nos moldes com cuidado até estar à altura que pretende que
seja o tamanho dos TBs.

Use a colher para mexer o metal na resina e espalhá-la por todos os
"cantos".

Continue a adiccionar metal e a empurrá-lo para baixo até que tudo fique bem
compacto e não haja muito mais espaço para pôr metal.

Nota: normalmente deixa-se uma pequena camada, apenas de resina, no final
(no que vai acabar por ser a base do TB). Eu pessoalmente prefiro adicionar
aos TBs tanto metal como possível (fazendo os TBs ligeiramente mais fortes).
A regra geral é de que o TB deve ser, em peso, metade resina e metade metal
mas eu simplesmente não a sigo e tem resultado bem.

Pode agora remover as luvas e a máscara.

Deixe os TBs a curar (se está num espaço interior, certifique-se de que há
boa passagem de ar). O tempo total de cura não deverá ser superior a 12
horas, mas pelo sim pelo não pode deixa-los nos moldes por um dia inteiro.

A resina deve ser usada normalmente em temperaturas de 18-25 graus (esta
informação está quase certamente na embalagem).

Quando os TBs estiverem prontos, retire-os dos moldes e ponha onde lhe
paracer melhor, ofereça aos vizinhos ou mesmo ao mundo!

Nota: O cheiro da resina de poliéster desaparece ao fim de alguns dias de
estar ao ar (devidamente ventilado).

Tudo o que não for para uso posterior ou reciclável pode ser deixado no saco
e com este metido no lixo.

----------------------

Acidentes com a resina

----------------------

No lavatório use a farinha na resina que se tenha pegado aos braços.
Esfregue-a na resina como se estivesse a usar café moído para tirar manchas
de óleo ou gordura. Depois lave com água.

Use papel higiénico ou de cozinha para remover qualquer resina que tenha
caído no chão e remova o resto com farinha. Limpe depois normalmente como se
fosse sujidade normal.

O Holy Hand Grenade ou HHG (Granada Sagrada)

Para o HHG vou usar uma taça de martini. Formas cónicas feitas de papel (uma
folha A4 ou A3 enrolada) também servem perfeitamente mas tem em atenção que
o papel vai ser difícil de remover. Também podes experimentar usar um funil
de plástico com a ponta cortada e fita cola forte e impermeável a tapar esse
buraco. Estas formas cónicasalternativas podem ser postas sobre um copo ou
frasco de vidro, para suporte.

A espiral de cobre (copper coil)

Um extra com benefícios é a espiral de cobre - embora não seja
indispensável, vai fazer o HHG mais forte. O fio de cobre enrolado em forma
de espiral conduz a energia da base até ao todo, de onde a energia é então
projectada.

Para fazer a espiral de cobre precisas de um fio de cobre com cerca de 60-75
centímetros de comprimento e entre 1,2-1,8 mm de expessura. Podes
"enrolá-los" à mão, utilizando um alicate, ou melhor ainda, um molde de cera
da loja Quebec-Orgone. O molde de cera torna as coisas mais rápidas, fáceis
e, pelo menos comigo, muito mais eficientes. Se uma espiral que fizeste te
der a impressão de estar mal feita, não a uses! Tenta endireitar o fio de
volta utilizando um tubo ou uma outra superfície cilindríca e etena de novo
ou simplesmente não o uses.

Todos os passos para fazer um TB aplicam-se ao HHG também, excepto:

Tenta que a ponta da espiral, onde vai ficar o quartzo, fique o mais perta
possível da extremidade deste. Tenta também que o quartzo esteja o mais
aconchegado e seguro possível na espiral antes de os pores no molde.

Antes de deitares resina, mete metal à volta da espiral e do quartzo para
que fiquem equilibrados e seguros - ficas assim com as duas mãos livres.

------------

Se é um HHG de aparas de cobre em formas espirais (tal como nas imagens)...

Continua a adicionar metal, em quepenas quantidades para não se amaranharem
todos juntos.

Continua a adicionar metal igulamente por todos os lados, dentro e à volta
da espiral de cobre até que estejam a 1-2 cm do topo do molde

Deixa esta parte livre de metal e começa então a deitar resina pelo meio até
chegares ao topo do molde e não couber mais - estas aparas deixam espaço
suficiente entre elas para qye a resina se infiltre facilmente e preencha
dodo o espaço que é necessário, tornando este passo bastante fácil e rápido.

------------

Se é um HHG de aparas de metal mais compactas e uniformes como as usadas no
tutorial anterior...

Adiciona um pouco de resina e tenta que chegue a todo o lado.

Usa a colher e move o metal para que a resina chege ao fundo do molde.
Continua durante o processo a vigiar que a espiral e o quartzo se mantenham
mais ou menos na vertical, centrados e apoiados no fundo do molde.

Repete o processo de adicionar metal e resina, empurrando o metal para baixo
com a colher até que chegues com o metal à distância de 1-2 cm do topo.
Deixa esta parte livre de metal e adiciona então resina até encher o molde.

------------

É ideal se a ponta da espiral de cobre ficar um pouco por fora da resina, ou
bem no limite.

O que fazer com um HHG que foi feito numa taça de martini:

Devo confessar que tenho muitos problemas em retirar o HHG duma taça de
martini e deixar a taça inteira...

Vou descrever agora o processo mas aviso já que implica a POSSIBILIDADE que
se espalhem PEDAÇOS DE VIDRO NO CONGELADOR. Isto pode ser completamente
evitado utilizando um outro tipo de molde - por exemplo em papel.

Passado menos de um dia, o HHG está pronto. Mete-o no congelador (retira
antes a comida se quiseres - eu não o uso senão para isto).

Deixa-o ficar por 12 horas no congelador e quando for altura, ferve
approximadamente 1 litro de água (numa chaleira por exemplo). Retira o HHG
do congelador, com cuidado pois poderá haver já vidro partido (com o choque
da temperatura baixa a resina contrai-se... se tiver vidro agarrado é certo
que vai parti-lo) e mete-o numa panela média, com a base do HHG virada para
baixo (a taça de martini de pernas para o ar).

Deita a ágia fervida sobre o HHG até que fique tão imerso como possível.

Se a taça de martini estiver inteira - só tens de pegar pela taça e mexe-la
continuamente na água, para baixo e para cima - o HHG soltar-se-á sozinho.

Se a taça se tiver partido - passados uns minutos, retira o HHG da água e
com as unhas ou um utensílio tenta retirar o vidro que tenha ficado agarrado
- não insistas demasiado se parecer muito difícil. Repete o processo
(congelador -> água a ferver) até que todo o vidro seja removido (2-3
sessões no pior dos casos).

Nota: Deixar orgonite já feita no congelador (um TB por exemplo) vai
melhorar as hipóteses de que a taça sobreviva o choque e seja depois
re-utilizada ;-)

Talvez o facto de eu só fazer HHGs com aparas de cobre em espiral tenha
alguma coisa a ver com as dificuldades de separar o vidro do HHG - pode ser
que um HHG de alumínio se dê bem melhor com a taça de martini. Alguém que
experimente, diga-me o resultado que eu agradeço.

Importante: Se queres adicionar outro tipo de cristal que não o quartzo,
sugiro que não o faças a não ser que tenhas alguma experiência /
sensibilidade com isso. Pedra-rosa ou ametista parecem ser boas pedras
companheiras do quartzo, que é da praxe. NÃO USES PEDRAS DOS CHACKRAS MAIS
BAIXOS (cores: preto, vermelho, laranja, amarelo).

fonte: http://orgonite-portugal.blogspot.com/2009/01/instrues.html
Comments