A vida secreta dos cristais

Diferentes tipos de magma criam pedras diferentes. As substâncias químicas, a textura e a densidade desempenham papel importante na determinação da pedra preciosa que irá se formar. O magma rico em ferro e magnésio – o gabro - vai criar olivina, zircão e safira. Os diamantes são encontrados num magma conhecido como kimberlito e são formas cristalizadas de puro carbono Os cristais de quartzo são formados de magma rico em silício e oxigênio e iniciam o seu crescimento a partir de partículas de silicato presentes na cavidade de onde eles crescem.

A ponta aguçada de um cristal de quartzo natural não foi criada pelo homem. Os cristais surgem no solo já naturalmente facetados. As faces ou facetas — e a maioria dos cristais tem seis — são formadas pela densidade dos átomos interiores. Em outras palavras, a forma de um cristal é determinada por sua estrutura molecular interna.

Depois de retirados da terra, os cristais de quartzo reagem quando comprimidos. Eles produzem uma corrente elétrica num processo conhecido como piezeletricidade. Essa piezeletricidade ou oscilação é o motivo pelo qual os cristais são usados em rádios, televisores, computadores e em qualquer aparelho eletrônico de alta precisão.


A cura de cristais danificados
Um caso contado pela autora:

Há dois ou três anos adquiri um cristal tão danificado parecia um conjunto maciço de fraturas e arestas quebrada seminário sobre cristais, fiz com que ele circulasse pela pelas mãos de aproximadamente 80 pessoas, que se mantiveram de olhos fechados. Pedi-lhes que registrassem por escrito o que tinham sentido ao segurá-lo. Todas as pessoas usaram termos como “medo, horror, coração-partido, quebrado, esmagado e destruído”, para descrever o que sentiam. Eu, então, fiz o cristal circular novamente e pedi ao grupo que o curasse.

Uma semana mais tarde, quando esse mesmo cristal um diferente grupo de pessoas, as palavras usadas para “alegria, prazer, satisfação, deleite, liberdade e felicidade havia sido curado.

Finalmente, dei esse cristal a uma mulher que estava desiquilibrada emocionalmente e pedi-lhe que completasse a cura. Quando ela o fez, o cristal não apenas a curou, em retribuição, produziu um pequeno arco-íris para confirmar que estava melhor. Também conheci uma mulher que havia ganho de seu marido uma linda jóia de pedras semipreciosas como presente de Natal. a usava ela se sentia mal e ficava doente. Ela perguntou-me se eu acreditava que uma pedra preciosa podia ser afetada pelo do joalheiro que a lapidara. Respondi que, consciente ou inconscientemente, todos nós projetamos alegria, tristeza, raiva ou tédio em todas as coisas que fazemos, seja lapidando uma pedra ou preparando uma refeição. Purificamos o colar, eliminando-lhe toda a negatividade, e ela agora sente-se feliz ao usá-lo. Posteriormente, descobrimos que a esposa do joalheiro havia fugido com o seu sócio. A raiva e o desespero do homem haviam passado para a jóia.

Podemos purificar, curar e transformar as pedras e jóias projetando nelas a nossa respiração fortalecida pelo amor.,









fonte: http://www.cristaisdecurvelo.com.br/loja/product_info.php?products_id=2966
Comments