Energia Omniversal‎ > ‎Diversos‎ > ‎

Experiência Ghandarva

Para aqueles que não conhecem sobre essa pesquisa (abaixo), é de suma
importancia sua leitura, ajudará muito na compreensão de alguns fatos desses
dias....

Excelente final de semana a todos!

No amor divino!

Namastê,
Terry

Experiência Ghandarva

Conexão com os Seres Angelicais

Indivíduos estudados em evento científico demonstraram que, através da
manifestação de amor profundo eram capazes de mudar a forma de seu ADN.

Um experimento realizado pelo Instituto Heart Math, na Califórnia, mostrou
que as frequências coerentes do coração provocam alterações no ADN de quem
as emitem.

Foram treinados vinte e oito pesquisadores para gerarem sentimentos através
de recordações que despertassem fortes emoções. O que se descobriu foi que o
ADN MUDOU DE FORMA de acordo com os sentimentos dos pesquisadores.

1. Quando os pesquisadores sentiram gratidão, amor e apreço, o ADN respondeu
RELAXANDO-SE, e seus filamentos esticando-se. O ADN tornou-se mais grosso.

2. Quando os pesquisadores SENTIRAM raiva, medo ou algum tipo de stress, o
ADN respondeu APERTANDO-SE. Tornou-se mais curto e APAGOU muitos códigos.

Os códigos de ADN conectaram-se novamente quando os pesquisadores tiveram
sentimentos de amor, alegria, gratidão e apreço.

Isto ilustra uma nova forma de energia que conecta toda a criação. Esta
energia parece ser uma REDE ESTREITAMENTE TECIDA que conecta toda a matéria
e que pode usada por cada um de nós para influenciar esta rede de criação
por meio de nossas VIBRAÇÕES.

Já sabiam os antigos sábios de diversas tradições que a vibração e entonação
de tons cósmicos (harmônicos) estão presentes em diferentes combinações por
todo Universo e que, não apenas estão presentes, como são as próprias
substâncias que dão forma a tudo o que existe.

Hoje, as ciências começam a descobrir e encontrar as mesmas respostas que os
ensinamentos espirituais antigos.

Cientistas reconhecem, atônitos, a Teoria da Relatividade nos Sutras de
Patanjali.

Uma publicação recente intitulada “O Universo Elegante”, de Brian Greene,
físico americano, professor da
<http://pt.wikipedia.org/wiki/Universidade_de_Columbia> Universidade de
Columbia e um dos grandes especialistas da
<http://pt.wikipedia.org/wiki/Teoria_das_cordas> Teoria das cordas, diz que:
“No interior mais fundo da matéria vibram cordas, como as de um instrumento
musical. Tudo o que existe e acontece no Mundo, no Universo, surge das
vibrações dessas entidades, centenas de bilhões e bilhões de vezes menor que
o núcleo de um átomo. A Teoria das Cordas compatibiliza a mecânica quântica
e a relatividade geral em dimensões ocultas.”

Existe uma outra pesquisa científica realizada nos Estados Unidos que
investiga grupos de pessoas que praticam a entonação de Harmônicos como
método de concentração, redução de stress, cura emocional e elevação do
nível de consciência a patamares mais elevados de sentimentos como a
gratidão, alegria, amor e harmonia. Estas pessoas estudadas afirmam que o
que fazem é procurar entrar em sintonia com energias que atraem seres de
Luz. Estes seres se alimentam da energia positiva que lhes é enviada e
através dela se mantêm ao lado dos praticantes, protegendo-os e os
auxiliando a manter o nível de vibração ainda mais elevado.

Qualquer emoção negativa, como a arrogância por exemplo, torna-se um
impedimento para esta conexão. Nestes estudos percebeu-se uma mudança no
campo eletromagnético daqueles que eram estudados. Estas pessoas dizem que
isto acontece porque o mundo espiritual está sendo contactado.

Os ensinamentos antigos do Oriente dizem que são os Tons Cósmicos, como
diferentes formas de entonação do OM, as forças mais poderosas do Universo,
por Serem estes sons o próprio Universo e Fonte de toda a Criação. Por isto,
o vasto poder de todo som audível terreno, é apenas um reflexo no mundo da
matéria, dos Tons Cósmicos. Eles contém em si algo da enorme força Criativa
( Brahma), Preservativa ( Vishnu) e Transformadora ( Shiva) nos ditos Tons
Cósmicos.

Está é uma experiência tão profunda que cria uma cúpula de luz que pode ser
vista pelas pessoas mais sensíveis, com poder de clarividência, e que gera
um campo de extensão de uns 40 a 50 quilômetros de distância, em todas as
direções ao redor do local onde é realizada. Tem uma característica
purificadora e curadora e é uma benção para quem está dentro desta energia.

A ciência pode demonstrar que o que vemos ou percebemos com nossos sentidos
físicos é menos de 1% do espectro eletromagnético conhecido. Mais de 99%
está fora do campo de vibrações que nós podemos perceber e é aí que estão os
seres celestiais, ou Seres Ghandarvas como eram conhecidos estes reinos
celestiais.

Existe um ensinamento que diz que o Divino esta aqui, e que não é preciso ir
a nenhuma parte para contatá-lo porque isto é apenas uma questão de
vibração.

Portanto, o que se pode fazer para contatá-lo é elevar a própria vibração, e
isso é justamente o que ocorre quando se faz a Experiência Ghandarva.

Nesta cerimônia, somos elevados através de uma determinada emoção coerente
(emociones coerentes são o amor, a gratidão, etc.) e Seres Celestiais são
atraídos por estas vibrações e gravitam ou se dirigem até onde percebem esta
energia sendo gerada. Quando isto acontece, milhares destes seres angelicais
vêm ao lugar ou para a área onde a cerimônia é realizada, porque esta
vibração é reconhecida por eles e são como alimento para eles.

Ainda nestes estudos foram realizados experimentos de análises
psicofisiológicos que encontraram como resultados o seguinte:

*       Quando nós experimentamos ou expressamos emoções coerentes, tais
como, amor, gratidão, alegria, nosso DNA nas células se harmoniza, se torna
mais forte.
*       Isto muda radicalmente os paradigmas atuais da medicina e,
basicamente o que se está dizendo é que, quanto mais amor sentimos, mais
saúde vamos ter e mais equilíbrio experimentamos em nossa vida. Este
conhecimento tem repercussões positivas imediatas nas vidas das pessoas que
o compreende.
*       Quando emitimos amor, criamos determinado tipo de pressão que gera
uma intensidade de freqüência que pode ser medida. Qualquer som que possa
criar pressão pode criar e comunicar amor. Os harmônicos são um meio de
criar pressão e mudança celular. São, portanto uma forma que permite
comunicar emoção do amor a todos os seres, o que inclui os seres angelicais.

*       Para nós, amor é uma emoção. Para estes seres é uma freqüência
energética que é como um alimento. Por isto eles se sentem atraídos, pois
esta freqüência os fortalece.

Assim, para oferecer-lhes este néctar (lembrem-se que eles nos estão
mantendo na vida a cada dia cercados em graças, bênçãos, amor e alegrias,
etc.), o que fazemos é sintonizar nossa energia e emitir de determinada
forma, sons que alcancem freqüências superiores de vibração, para
devolver-lhes a energia que eles nos têm oferecido; Estamos dando a eles
algo que eles merecem.

Este é o ritual de comunicação que geramos com a entonação correta, através
da pressão de amor criada pela nossa voz, pela combinação do chacra da
garganta e coração. Esta experiência transcende o véu de Maya, da ilusão que
nos envolve, penetrando nos mundos sutis.

Maya é um termo hindu que significa ilusão e que se refere ao mundo físico,
e na tradição budista, a palavra Samsara significa a mesma coisa que Maya.
Esta referencia não quer dizer que o mundo físico seja uma ilusão, mas sim,
significa que o mundo físico é apenas uma pequena parte de uma realidade
maior. A física quântica comprova que a parte que percebemos da realidade é
menos de 1%. O resto da realidade, ou seja, 99%, está fora do alcance de
nossa percepção; assim, vivemos em um mundo onde os sentidos nos dizem uma
coisa mas a Verdade fora do alcance dos nossos sentidos, somente é percebida
por nossa parte interna, pela percepção sutil da intuição, como mostram as
tradições místicas e os mapas de exploração da consciência das diferentes
culturas ancestrais.

Assim, na Cerimônia Ghandarva pode-se obter vibrações dos Reinos Celestiais
que ajudam a vencer a ilusão.

http://portalorion888.blogspot.com/
Comments