Diminua!

Se você correr muito rápido, a própria velocidade lhe dá uma intoxicação.

É por isso que há tanto vício com a velocidade.
Se você dirige um carro, a mente quer ir cada vez mais rápido.
Ela lhe torna intoxicado.

A velocidade segrega certas substâncias químicas no corpo e no sangue; por causa disso você gostaria de continuar pressionando o acelerador. Experimente um dia correr rápido e observe o que acontece. Chega o momento no qual a velocidade assume a direção: essa é a aceleração da velocidade.

Exatamente o oposto acontece se você diminuir.

O que um Buda está fazendo sob a árvore? – diminuindo a velocidade, nada mais.

O que estou continuamente ensinando a vocês? – diminuir a velocidade.

Chega um ponto que não há nenhuma velocidade dentro de você, ninguém correndo.

Nesse momento a consciência acontece – você se torna iluminado.

Existem dois pólos: um é velocidade; assim você está intoxicado, você fica inconsciente.

O outro é nenhuma velocidade – parada total, completa, uma parada absoluta.
Subitamente você se torna iluminado.

O método:

Diminua sua velocidade.

Coma devagar, caminhe devagar, fale devagar, mova-se bem lentamente e, aos poucos, você chegará a conhecer a beleza da inatividade, a beleza da passividade. Assim você não fica intoxicado – você está completamente atento e cônscio.




Osho, em "Returning to the Source"

Fonte:
www.palavrasdeosho.com
Comments